RSS

Arquivo mensal: agosto 2012

O milagre acontece quando mudo o meu pensamento – A Mulher do Fluxo de Sangue

O milagre acontece quando mudo o meu pensamento
Marcos 5:25-32
25 Chegou ali uma mulher que fazia doze anos que estava com uma hemorragia. 26 Havia gastado tudo o que tinha, tratando-se com muitos médicos. Estes a fizeram sofrer muito; mas, em vez de melhorar, ela havia piorado cada vez mais. 27 Ela havia escutado falar de Jesus; então entrou no meio da multidão e, chegando por trás dele, tocou na sua capa, 28 pois pensava assim: “Se eu apenas tocar na capa dele, ficarei curada.” 29 Logo o sangue parou de escorrer, e ela teve certeza de que estava curada. 30 No mesmo instante Jesus sentiu que dele havia saído poder. Então virou-se no meio da multidão e perguntou: — Quem foi que tocou na minha capa? 31 Os discípulos responderam: — O senhor está vendo como esta gente o está apertando de todos os lados e ainda pergunta isso? 32 Mas Jesus ficou olhando em volta para ver quem tinha feito aquilo. 33 Então a mulher, sabendo o que lhe havia acontecido, atirou-se aos pés dele, tremendo de medo, e contou tudo. 34 E Jesus disse: — Minha filha, você sarou porque teve fé. Vá em paz; você está livre do seu sofrimento.[1] (NTLH)
1.      Quem era essa mulher?
a.       Essa mulher era uma israelita, era uma judia. Uma mulher que era da nação que DEUS escolhera pra ser seu povo. Esse era o sentimento: sou povo de DEUS.
b.      Era casada. Tinha filhos e era uma mulher de posses, rica pelo que tudo indica. Mas que agora estava empobrecida por causa de sua doença.
c.       Ela cria em DEUS. Ela certamente tinha um único DEUS. Ela era Judia.
2.      Quanto tempo ela vinha sofrendo?
a.       Ha 12 anos. Muito tempo – é a idade de um adolescente.
b.      Certamente que seu esposo já a abandonara. Porque ela era imunda, impura, não servia mais para ser ter nenhum tipo de contato, pois tudo o que ela tocasse ficaria impuro / imundo – Lv 15:25.
c.       O seu convívio social resumia-se aos médicos que ha faziam sofrer. Médico tem sempre uma noticia realista. – Você está desenganada. O seu mal não tem cura. Você vai morrer. E ha 12 anos ela vinha morrendo.
3.      Que mudanças o sofrimento causou na vida dessa mulher?
a.       Como será que era essa mulher antes da doença? Será que era uma pessoa simples? Ou seria uma mulher arrogante? Será que ela era gentil ou grosseira? Nunca saberemos. Mas sabemos que ela se tornara alguém sofredora. Triste e frágil.
b.      A doença lhe fez valorizar a vida.
c.       A doença lhe fez ver que o mundo não se resumia a ela. Existia mais. Sabe por quê? A doença nos leva a reflexão. A doença nos deixa incapaz e dependente. A doença nos leva a orar e fazer profundas reflexões sobre a nossa existência.
d.      Ela era uma mulher Judia e por que ela não procurou os sacerdotes para orarem nela?
4.      Qual foi a causa de sua doença?
a.       O pecado muitos dirão! Mas talvez uma deficiência alimentar. Um cisto no ovário. Uma má formação genética… Existe uma infinidade de talvez.
b.      Também poderia ser uma doença psicossomática, criada por ela mesma. Talvez por se achar indigna da vida e status social que ela viera adquirir com o casamento.
c.       Talvez a culpa de algo que ela tenha feito em seu passado – mas tudo isso são meras especulações.
d.      Mas toda doença tem sua origem no pecado. Não no seu, mas foi por causa do pecado que veio a morte e as doenças são os aguilhões da morte.
e.       Talvez tenha cometido algum pecado e isso fez com que ela perdesse sua identidade. Identidade fala de quem eu sou. Comportamento está relacionado com que eu faço. Algumas vezes erramos em nosso comportamento e começamos a pensar eu sou um erro. Quando na realidade cometemos um erro! Mas sempre o diabo usa alguém para amaldiçoar a nossa identidade por causa do erro cometido, satanás, o inimigo quer deixar bem claro que só cometemos o erro por que somos um erro. Isso não é verdade!
f.       Cometemos um erro por causa de nosso comportamento que precisa ser corrigido, mas não por que sejamos um erro.
                                                                          i.      Observe comportamento se aprende! Erra-se por não se querer aprender o correto.
                                                                        ii.      Identidade é algo inerente do ser. Nasce-se com ela.
                                                                      iii.      E essa mulher era FILHA DE DEUS. Identidade.
5.      Quem a curou?
a.       Sua fé a curou.
b.      Seus pensamentos tornaram-se realidade, gerando nela a fé. Esta fé foi gerada quando ela ouviu que Jesus curava os enfermos.
c.       Vamos sintetizar.
                                                                          i.      Ela ouviu que Jesus era o Filho de Deus e que ele agia no poder de DEUS curando os enfermos – qualquer enfermidade.
                                                                        ii.      Ela acreditou – teve fé.
                                                                      iii.      Ela começou a pensar, a mudar seus pensamentos a respeito de sua situação atual. Ela imaginou em seu coração. Isso se transformou em sua oração diária. Transformou-se no desejo de seu coração.
                                                                      iv.      E ela pensou: se eu somente tocar na orla de seu manto serei curada.
6.      Quando ela foi curada?
a.       Quando ela mudou a forma de pensar sobre ela.
b.      Ela começou a diferenciar seu comportamento de sua identidade.
c.       Ela começou a pensar bem dela mesmo.
d.      Ela começou a crer no que ela ouviu a respeito de Jesus e do seu imenso poder.
                                                                          i.      Ela ouviu a respeito de Jesus;
                                                                        ii.      Ela creu que ela poderia ser curada
                                                                      iii.      Ela pensou como poderia chegar até ele. Ela montou uma estratégia em seu pensamento.
                                                                      iv.      Ela agiu motivada por sua fé;
                                                                        v.      Ela foi curada.
Aplicação:
1.      Quem é você?
2.      O que é que te faz sofrer?
3.      Há quanto tempo você sofre?
4.      Que mudanças o sofrimento tem causado em sua vida?
5.      Qual tem sido a causa de sua doença?
6.      Quem pode te curar?
7.      Quando você vai se permitir ser curado?
8.      Quando você vai permitir que o milagre a conteça?
9.      MUDE A FORMA QUE VOCÊ PENSA – MUDE O QUE VOCÊ PENSA SOBRE VOCÊ.
————————————-
Ronildo da Cruz Ribeiro
IDPB Monte Horebe
Manaus Amazonas
Para o culto de domingo dia 26 de agosto de 2012


25 5.25 uma hemorragia Parece que a mulher sofria de hemorragia menstrual que não parava nunca. Além de não poder viver uma vida normal, ela era considerada impura (Lv 15.25). Se ela tocasse em alguém, essa pessoa também ficaria impura.
[1]Sociedade Bíblica do Brasil: Bíblia De Estudo Nova Tradução Na Linguagem De Hoje. Sociedade Bíblica do Brasil, 2005; 2005, S. Mc 5:34
Anúncios
 

As Regiões Celestes

As Regiões Celestes
Efésios 6:12
1.       O que são lugares ou regiões celestiais?
Esta é uma foto da majestosa nebulosa Carina, um titã gelado de hidrogênio e poeira na Via Láctea, capturada pelo Hubble.
É o lugar onde nascem todas as coisas. É a dimensão do Espírito. Também a dimensão que satanás usa para chegar a te a terra. Mais conhecida como a 4ª dimensão.
Efésios  3:10,12
10 para que, pela igreja, a multiforme sabedoria de Deus se torne conhecida, agora, dos principados e potestades j  nos lugares celestiais, l [1]11pelo qual temos ousadia e acesso com confiança, mediante a fé nele. n
Paulo está ensinando que a igreja é a única forma de tornar DEUS conhecido e engrandecido, mas onde Ele deve ser conhecido? Nas regiões celestiais! Mas por que nas regiões celestiais. É onde os anjos atuam. Mas quais anjos? Todos os anjos inclusive os caídos. Aqueles que desobedeceram, aqueles que resolveram deixar o seu domicílio.
Paulo esta ensinando que temos acesso a esse lugar celestial. Mas para ter esse acesso, tem que haver ousadia, confiança e só se consegue este acesso por meio da fé. E essa fé é em DEUS.
Esta ousadia não é humana, mas sim sobre natural, ela vem do próprio DEUS. Ela é motivada e impulsionada pelo Espírito Santo. Por isso, é que para ter o acesso precisa da fé.
Por que a multiforme sabedoria DEUS tem que ser conhecido nas regiões celestes? Por é nela que tudo acontece! E dela que vem as ideias, as inovações, as mudanças. Tudo é criado nela – nessa dimensão. Na dimensão do Espírito.
Satanás de alguma forma atua na terra a partir dessa dimensão, instruindo, capacitando, equipando seus súditos para que eles possam atuar de forma plena na terra. Por isso Jesus disse que o mundo jaz no maligno. Um grande exemplo disso são homens como Aldolf Hitler e muitos outros mais.
DEUS precisa que a igreja, seu corpo também seja instruída, capacitada e equipada a partir dessa dimensão, por que é nela que ocorre a luta pela terra, para a implantação do Reino de Deus.
É nessa dimensão que nascem as ideias, os pensamentos, os sonhos, os planos e o entusiasmo.
2.       Qual o domínio de DEUS nesta dimensão.
O plano de DEUS esta acima de toda atuação que exista nesta dimensão. Embora atue a partir dela, o plano de DEUS é superior, por que esse plano vem antes de a terra ser formada. Ela existe desde a eternidade. E neste plano consta que o homem governe a terra juntamente com o seu criador – DEUS.
Efésios 1:21,22
21 acima de todo principado, e potestade, e poder, e domínio, j  e de todo nome que se possa referir não só no presente século, mas também no vindouro.
22     E pôs todas as coisas debaixo dos pés e, para ser o cabeça sobre todas as coisas, o deu à igreja,
Ele atua e está acima de todo o principado e potestade, poder ou domínio em qualquer época na terra ou na eternidade. E por causa de sua morte ele venceu colocando todas as coisas debaixo de seus pés. Ele tem o direito de posse legal sobre todas as coisas, no céu na terra e no mundo dos mortos. Ele venceu a morte e todo os seus aguilhões – doenças.
Ele deu a sua igreja esse poder e autoridade. Como ele venceu, ele pode dar a quem quiser. E Ele deu pra você e pra mim este poder.
Efésios 1:3
3 Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que nos tem abençoado com toda sorte de bênção f  espiritual nas regiões celestiais g  em Cristo,[2]
A nossa bênção ela está disponível nas regiões celestiais. Ele o SENHOR já nos abençoou, e por que ainda não recebemos estas bênçãos? Observe todas as bênçãos, toda sorte de bênçãos, você não entendeu! Vou repetir: toda sorte de bênção espiritual está disponível para você e para mim, por causa de CRISTO.
Que tal tomar posse dessas bênçãos – no plural.
Aplicação:
Quais são essas bênção? Quero que você pense o que seria um bênção para você! Pois é, isso que você pensou se não fere nenhum código de ética ou, moral ou, a lei e traz paz, é uma bênção.
Tal vez você pense:
            Uma casa
Um carro
Uma lancha
Um barco
Um salário melhor
Um esposo / esposa
Filhos curados
Filhos saudáveis
A cura para um parente
Cura para você
O crescimento de sua igreja
A salvação de uma pessoa
Novos projetos
O término de um grande projeto
O pagamento de uma dívida
Pense, pense, pense, sinta o poder de DEUS atuando na sua mente. Deixe que a fé venha engravidá-lo e seus pensamentos virem sonhos, e deixe que seus sonhos sejam conhecidos através de suas palavras e, em breve o vermos materializado.
———————————————
Ronildo da Cruz Ribeiro
IDPB Monte Horebe
Manaus 21/08/2012


j j 3.10Principados e potestades: Ver Ef 1.21-22, n.
l l 3.10Nos lugares celestiais: Ver Ef 1.3, nota g.
[1]Sociedade Bíblica do Brasil: Bíblia De Estudo Almeida Revista E Atualizada. Sociedade Bíblica do Brasil, 1999; 2005, S. Ef 3:10
j j 1.21-22 Cl 1.16; 2.10; 1Pe 3.21-22; cf. Ef 6.12. Refere-se aos poderes espirituais que dominam o universo, que, agora, estão submetidos a Cristo. Cf. Ef 3.10.
f f 1.3 Bendito… bênção: O mesmo verbo em grego significa louvar e bendizer. As palavras bendito, abençoado e bênção, tanto em grego como em português, provêm da mesma raiz.
g g 1.3 Nas regiões celestiais: Isto é, nessa nova vida do cristão, que vive para Deus. Esta expressão aparece somente nesta epístola (aqui e em 1.20; 2.6; 3.10; 6.12) e destaca os benefícios obtidos pela vitória de Cristo (1.4-14; ver 1.21-22, n.).
[2]Sociedade Bíblica do Brasil: Bíblia De Estudo Almeida Revista E Atualizada. Sociedade Bíblica do Brasil, 1999; 2005, S. Ef 1:3

 
 

Onde DEUS mora?

Onde DEUS mora?
A.     Onde encontrar a DEUS?
No livro do Genesis – diz que DEUS mora no céu. Depois ele criou um jardim que era um lugar intermediário entre o céu e a terra. O céu era o lugar onde DEUS morava e a terra o lugar do homem, o jardim passou a ser o lugar onde DEUS e o homem se encontravam.
Abraão, quando queria se encontrar com DEUS, erigia / construía um altar, e DEUS aparecia a ele. Para Moisés DEUS apareceu num monte. Depois pediu que ele construísse um tabernáculo.
Davi conheceu DEUS no tabernáculo. Davi desejou construir uma casa para DEUS, mas não pode. Salomão seu filho construiu uma casa para DEUS, e Ele passou a habitar nessa casa. Essa casa foi chamada de templo, porem a palavra templo era uma designação para qualquer templo pagão, mas DEUS respeitou o homem e passou habitar neste lugar.
Esse templo foi destruído por Nabucodonosor II, em 587 a.C. e mais tarde reconstruído por Zorobabel sob a ordem de Ciro II. Foi modificado por Herodes o Grande no século 1 a.C, e no ano 70 foi destruído pelos romanos. E DEUS ficou sem casa.
João Batista, conheceu DEUS no deserto e as margens de um rio o Jordão que nasce no Monte Hermom e vai até o Mar Morto, ele vai salinizando progressivamente a partir de Tiberíades.
No deserto o povo começou a procurar a DEUS através de João Batista, e todos iam até ele para serem batizados – Mc 1:1-6, vindos da Judéia e de Jerusalém, sacerdotes, escribas, Fariseus, Saduceus, … todos iam até ele. Eles estavam procurando DEUS. E todos encontravam a DEUS. Ele não estava mais no templo em Jerusalém, estava no deserto.
E DEUS veio para o deserto atrás daqueles que o buscavam, veio até João Batista para ser batizado. João na hora o reconheceu e disse: “eis aí o Cordeiro de DEUS que tira o pecado do mundo …”.
1.      DEUS vai aonde o povo o busca.
2.      DEUS busca corações sinceros.
3.      DEUS se revela para aqueles que desejam a sua presença.
Jesus passou a morar na terra com os homens – ele veio para os que eram seus, mas não o receberam …, então ele voltou para o céu. E onde ELE mora agora? Onde é o céu? Será pra cima? Onde é cima? Então onde posso encontrá-lo? Onde é sua casa?
B.       EU SOU A MORADA DE DEUS!
João 14:23 “Respondeu Jesus: Se alguém me ama, guardará a minha palavra; e meu Pai o amará, e viremos para ele e faremos nele morada”.
1.      DEUS não mora mais em templos feito pelo homem. ELE mora em templos construídos por ELE. O homem foi feito por ele. A sua imagem e semelhança.
2.      DEUS mora no coração daqueles que O ama, seu eu amo a DEUS, eu o desejo ele virá morar em mim. Ap 3:20 “eis que estou a porta e bato…”
3.      DEUS faz milagres – ele criou todas as coisas. Ele pode fazer qualquer coisa, então quando eu preciso que ele faça um milagre, onde posso achá-lo? Como ELE fará um milagre?
a.      Através de você. Através de mim.
4.      DEUS mora em você.
a.      Você precisa usar os dons de DEUS.
b.      Você precisa usar os atributos de DEUS.
c.      Você precisa deixar DEUS trabalhar, através de você!
C.  Conclusão
1.      Onde DEUS mora? Em mim
2.    Onde posso Buscá-lo? Orando, pedindo que ELE se manifeste em mim, e através de mim.
3.     Quando vou encontrá-lo? Quando eu o amar de todo o meu coração / sentimentos.
————————————-
Ronildo da Cruz Ribeiro
IDPB Monte Horebe
Manaus, AM 16 de agosto de 2012
Culto de quinta-feira 
 

MALÍCIA

M A L Í C I A
Texto: Jonas 1:2
Dispõe-te, vai à grande cidade de Nínive b  e clama contra ela, porque a sua malícia subiu até mim. c[1]
Introdução:
1.       Deus se aborreceu com a malícia de Nínive
2.       Por causa dela a cidade seria destruída.
      1.       O que é?
a.       A inclinação para o mal, maldade, pecado.
b.       É a intenção maldosa – Mateus 22.18
c.       Alguém que tem sempre uma pegadinha em suas palavras.
      2.       De quem é?
a.       A malícia é uma característica, uma qualidade de satanás. 1 João 2:13.
b.       Satanás é conhecido na Bíblia no Novo Testamento como o maligno, senhor de tudo o que é mal.
      3.       Quem usa a Malícia?
a.       A malícia é um dom de satanás, uma característica natural desse anjo caído.
b.       Os homens que são dominados pelo maligno.
c.       Os mentirosos e o mal feitores: Provérbios 17:4 – O malfazejo atenta para o lábio iníquo; o mentiroso inclina os ouvidos para a língua maligna.
d.       Mas a palavra do Senhor diz: Salmos 7:9 Cesse a malícia dos ímpios, mas estabelece tu o justo; pois sondas a mente e o coração, ó justo Deus.
       4.       Como ela é usada?
a.       No dia-a-dia criando situações – Romanos 1:29-31 “29 cheios de toda injustiça, malícia, avareza e maldade; possuídos de inveja, homicídio, contenda, dolo e malignidade; sendo difamadores, 30 caluniadores, aborrecidos de Deus, insolentes, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais, 31 insensatos, pérfidos, sem afeição natural e sem misericórdia.”
      5.       Qual mal que ela causa?
a.       Ela mata pessoas inocentes – calúnia: 1 Reis 21:13 “Então, vieram dois homens malignos, sentaram-se defronte dele e testemunharam contra ele, contra Nabote, perante o povo, dizendo: Nabote blasfemou contra Deus e contra o rei. E o levaram para fora da cidade e o apedrejaram, e morreu”.
b.       Depõe reis: 2 Crônicas 13:7 “7 Ajuntou-se a ele gente vadia, homens malignos; fortificaram-se contra Roboão, filho de Salomão; sendo Roboão ainda jovem e indeciso, não lhes pôde resistir”.
      6.       Qual a consequência dela?
a.       Ela destrói o malicioso – Provérbios 13:6 “A justiça guarda ao que anda em integridade, mas a malícia subverte ao pecador”.
b.       Eles são derrubados de suas posições – Provérbios 14:3 “Pela sua malícia é derribado o perverso, mas o justo, ainda morrendo, tem esperança”.
       7.       Como podemos ser curado dela?
a.       Pela palavra de de DEUS Tiago 1:21 “Portanto, despojando-vos a  de toda impureza b  e acúmulo de maldade, acolhei, com mansidão, a palavra em vós implantada, a qual é poderosa para salvar a vossa alma”.
b.       Pela renovação de nossa mente – Romanos 12:2 “2 E não vos conformeis com este século, f  mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus”.
Conclusão:
1.       Deus ia destruir uma a cidade de Nínive por causa da malícia – toda população seria exterminada por causa desse pecado. Crianças, jovens, adultos, velhos… todos seriam destruídos.
2.       A pregação da palavra de DEUS através de Jonas mudou a sorte dessa cidade. Eles decidiram se arrepender de sua malícia.
3.       A aceitação da palavra muda a sorte não somente de uma pessoa, mas de famílias inteiras, de bairros inteiros, de cidades inteiras. “Crê no SENHOR JESUS e será salvo tu e tua casa” At 16:31
————————————————
Ronildo da Cruz Ribeiro
IDPB Monte Horebe
Manaus, Amazonas 05 de agosto de 2012
Culto de Domingo


b b 1.2 À grande cidade de Nínive: Nínive era a capital da Assíria, o império que, em 721 a.C., destruiu o Reino do Norte (Israel) e enviou ao exílio muitos dos israelitas (cf. 2Rs 14.1-23). Os profetas Naum (1.14—3.19) e Sofonias (2.13-15) anunciaram a sua destruição, ocorrida no ano 612 a.C. Quando o livro de Jonas foi redigido, essa cidade era símbolo de crueldade, de violência e de hostilidade ao povo de Deus. Cf. Na 1.1; 2.13—3.19. Ver o Índice de Mapas.
[1]Sociedade Bíblica do Brasil: Bíblia De Estudo Almeida Revista E Atualizada. Sociedade Bíblica do Brasil, 1999; 2005, S. Jn 1:2
a a 1.21 Despojando-vos: Ver Rm 13.12, nota j.
b 1.21Cl 3.8-10; 1Pe 2.1.
f f 12.2 Ef 4.23. Este século: Ou O tempo presente:Ver Rm 13.11-14, n.
 

Que tipo de palavra me alimenta?

Que tipo de palavra me alimenta?
Mateus 4
“3 Chegando, então, o tentador, disse-lhe: Se tu és Filho de Deus manda que estas pedras se tornem em pães. 4 Mas Jesus lhe respondeu: Está escrito: Nem só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que sai da boca de Deus.”
É muito comum hoje em dia desistirmos de muitas coisas que são essenciais para nós e para muitas pessoas. Só por que contraria nossas idéias, nossas expectativas e nosso ponto de vista, que, aliás, na maioria das vezes não tem embasamento algum.
Fazemos isso por que nos alimentamos das coisas erradas e não do pão do céu que é a palavra de DEUS. A palavra de DEUS expressa à vontade de DEUS, e quando desconhecemos essa vontade, sofremos!
1.  Nem só de pão viverá o homem, mas de toda palavra que sai da boca de Deus (vs4).
Acredito que quando o diabo fez a tentação, ele sabia quem era JESUS, e qual seria sua missão. Por isso ele se aproximou de JESUS na hora de maior fraqueza. Após o jejum de quarentas dias JESUS devia estar se sentindo o mais espiritual dos homens. E é nesse momento de sentimento que provem da fragilidade do homem, que o diabo ataca. Testando sua verdadeira espiritualidade, de onde ela vem. Da vontade humana de se sentir forte e mais próximo de DEUS, de agradar alguém, ou da motivação espiritual real que provem da vontade de DEUS.
É muito comum, quando jejuamos nos sentirmos assim, super homens, ou super mulheres, imbatíveis, inatingíveis, espirituais e intocáveis. E é exatamente nesse momento que o diabo (tentador) aparece, para testar a nossa fé e a nossa motivação. Lembre-se que o maior aliado do diabo é a carne. Por isso Jesus disse que a carne é fraca e o espírito é forte, logo o espírito sempre vai vencer a carne! Mas geralmente quem vence é a carne com seus prazeres passageiros e mortais.
Com Jesus, a motivação era exatamente do espírito, Mateus 4.1 diz que ELE foi levado ao deserto pelo Espírito Santo para ser tentado, testado, para daí começar o seu ministério com a motivação correta – O Amor, com os meios corretos – as pessoas, e com o método certo – dependente da palavra de DEUS.
a.   Satanás sabia quem era JESUS?
Claro que sim! Ele foi criado por ele no céu, quantas vezes ele teve que se prostrar diante DELE. Porem agora, ele estava na forma humana, e satanás queria que ele usasse seus poderes divinais para mudar o propósito de JESUS, mudando assim o cumprimento da palavra de DEUS, que falava de Jesus, de como ele seria, o que ele faria e de como morreria.
1.   Satanás sabia que como filho de DEUS, ele poderia ordenar que a pedra se transformasse em pão e isso aconteceria. O poder da vida e da morte está na língua. Porém o que Jesus queria não era fazer a sua vontade, nem a vontade do diabo e sim a vontade de DEUS. Por isso ele respondeu usando a palavra de DEUS.
2.   Somente a palavra de DEUS é o verdadeiro alimento não o que o diabo diz. Muitas pessoas se alimentam da palavra do diabo e não da palavra de DEUS.
b.  Jesus sabia quem Ele era!
Jesus não buscou o conhecimento de quem ele era da forma errada, através da filosofia, ele buscou na fonte, a palavra de DEUS. Por muitas vezes ele afirmou que as escrituras falavam dele.
1.   Ele usou a palavra de DEUS, para responder a Satanás.
2.   Ele colocou a vontade DEUS na vida dele, antes de atender os seus desejos.
3.   Ele buscou agradar a DEUS, e não fazer sinais maravilhosos para agradar as pessoas e ao diabo.
2.  Qual palavra sai da boca de DEUS a seu respeito? Você sabe?
Será que após jejuar quarenta dias e quarenta noites se você estiver vivo e satanás aparecer pra você e dizer assim: tenho um canal de televisão pra você, uma hylux, um iate e mais um milhão de reais todos os meses durante toda sua vida, será que você não seria tentado a achar que isso era o propósito de DEUS pra sua vida e resposta de suas orações?
O nosso grande problema é que só queremos ouvir palavras boas, não palavras que precisamos, mas palavras que nos eleve, que nos motive, palavras de efeito psicológico imediato, mas que amanhã ou depois precise repetir a dose mas que nunca produz uma mudança eficaz por que não veio da boca de DEUS.
a.   Palavras de Jesus a nosso respeito.
1.   E não vos conformeis a este mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus – Romanos 12:2
2.   Tenho-vos dito estas coisas, para que em mim tenhais paz. No mundo tereis tribulações; mas tende bom ânimo, eu venci o mundo – João 16.33.
3.   E não somente isso, mas também gloriemo-nos nas tribulações; sabendo que a tribulação produz a perseverança, 4 e a perseverança a experiência, e a experiência aesperança; 5 e a esperança não desaponta, porquanto o amor de Deus está derramado em nossos corações pelo Espírito Santo que nos foi dado – Romanos 5:3-5.
4.   E sabemos que todas as coisas concorrem para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito – Romanos 8:28.
5.   Como está escrito: Por amor de ti somos entregues à morte o dia todo; fomos considerados como ovelhas para o matadouro. 37 Mas em todas estas coisas somos mais que vencedores, por aquele que nos amou – Romanos 8:36-37.
6.   Filhinhos, vós sois de Deus, e já os tendes vencido; porque maior é aquele que está em vós do que aquele que está no mundo – I João 4:4.
7.   Mas vós sois a geração eleita, o sacerdócio real, a nação santa, o povo adquirido, para que anuncieis as grandezas daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz – I Pedro 2:9.
8.   Ensinando-os a observar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos – Mateus 28:20b
Observe que tem muitas palavras de bênçãos e vitórias, mas sempre antes das vitórias, vem as lutas. Isso acontece para que possamos ser moldados a vontade de DEUS. Sem lutas, sem vitórias, sem razão pra viver, sem desafios a serem conquistados e naturalmente sem fé. E sem fé é impossível agradar a DEUS.
Ronildo da Cruz Ribeiro
IDPB-Monte Horebe