RSS

Arquivo da categoria: Abigail

Abigail, mulher bonita e prudente

Abigail, mulher bonita e prudente
1 Samuel 25:2-44
2 Havia um homem, em Maom, que tinha as suas possessões no Carmelo; b  homem abastado, tinha três mil ovelhas e mil cabras e estava tosquiando as suas ovelhas no Carmelo. 3 Nabal c  era o nome deste homem, e Abigail, o de sua mulher; esta era sensata e formosa, porém o homem era duro e maligno em todo o seu trato. Era ele da casa de Calebe.[1] (1 Sm 25:2-3)
1.       Um homem tolo casado com uma mulher sábia.
a.       Sensata / prudente
b.       Ela formosa / bonita
c.       Ela era rica, era da família de Calebe.
d.       Ele era um homem rico, era de uma família muito importante em Israel. Da família de Calebe.
e.       Ele era um homem duro, estúpido, grosso no modo de tratar as pessoas. Sua família e seus empregados
f.        Ele era maligno. Ele fazia mal as pessoas, ele tratava mal as pessoas que lhe serviam.
2.       Nabal era um homem avarento e ingrato. Não sabia reconhecer quando alguém lhe prestara um grande favor. (vv.9-11, 21)
a.       Davi pediu comida para Nabal, e ele negou. Davi declara que já prestou serviços de vigia e auxílio aos pastores de Nabal sem nenhuma remuneração. Agora ele envia homens que estão à seu serviço pedirem um pouco de comida, e Nabal não quis dar e ainda ofendeu a Davi e seus homens.
3.       Sua avareza, maldade e ingratidão colocam sua vida e a de sua família em perigo de morte. (vv.22)
a.       Todos de sua família que fossem do sexo masculino morreriam naquele dia.
b.       Davi, nessa época era um mercenário. Ele tinha a seus serviços militares quatrocentos homens. Homens ferozes, homens destemidos, e ter a proteção de Davi era uma honra. E Nabal já tinha desfrutado dessa proteção anteriormente, só que Davi não cobrava de seu povo esse tipo de serviço.
c.       Mas agora Davi marchava com seus homens para destruir a Nabal e sua casa.
4.       Mais eis que surge uma MULHER, a mulher, a nossa heroína, seu nome é ABIGAIL. (vv.18)
a.       Não entra em desespero, e sai gritando socorro vão matar meu marido, ai, ai, ai
b.       Não sai por ai dizendo, desesperada, falando pra todo mundo … como uma faca não mão gritando: vou chamar a polícia.
c.       Ela sabe o que está fazendo. Ela é sensata. Fica de boca calada e prepara um super, mega,hiper almoço … um banquete e leva para Davi e seus homens. Tudo em grande quantidade.
5.       Essa mulher enfrenta seus inimigos, com humildade. (vv.23-28)
a.       Ela se ajoelhou diante de Davi. Não era uma mulher orgulhosa presunçosa, que saia desafiando seus inimigos, chamando para brigar. Ela se ajoelhou diante do inimigo e pediu perdão por seu esposo.
b.       Ela assumiu para si toda a responsabilidade.
c.       Pediu perdão pelos pecados de seu marido.
6.       Ela levou presentes aos inimigos. (vv.27)
a.       Ela não se importava quanto custaria o presente, e pra quem seria dado, importava que o presente poderia salvar a vida de seu esposo, filhos e empregados.
b.       Ela sabia (fazer) cativar uma amizade.
c.       Ela sabia que os presentes conquistam e aplacam qualquer ira.
d.       Você já levou um presente pra alguém que não gosta de você e tentou conquistar a amizade dessa pessoa.
7.       Ela faz de seus inimigos amigos. (vv.28)
a.       Ela pede perdão novamente, como se fosse ela a culpada de tudo isso
b.       Diante de uma tremenda injustiça como você reage? Você pede perdão, se desculpa assumindo todo e qualquer risco, ou atribui a culpa aos outros?
c.       Você faz de seus inimigos amigos?
8.       Ela abençoa seus inimigos. (vv.29-31)
a.       Depois de ter conquistado a confiança e aplacado a fúria de Davi, ela simplesmente abençoa a Davi.
b.       Profetizou coisas boas a respeito de DAVI.
c.       Falou bem dele diante das pessoas que o acompanhavam.
d.       Como tratamos nossos inimigos? Falamos bem, abençoamos ou amaldiçoamos?
9.       O que Davi fala dessa mulher?
a.       Tu és bendita do SENHOR.
b.       Bendita é a tua prudência
c.       Tu és bendita.
10.   Nabal morre.
a.       Ela volta e Nabal esta bebendo, dando uma grande festa, está alegre e não sabe que a morte o namora.
b.       Ela espera até passar sua cachaça pra contar pra seu marido.
c.       Ela não chega dizendo: “ta vendo seu cachaceiro o que você quase fez conosco, quase nos matou”
d.       Ela não confronta seu esposo, não o acusa, e xinga, não joga em seu rosto que ele é um fracassado.
e.       Ela somente comenta que houvera mas não da maiores detalhes.
f.        Nabal fica chocado com que ouve, se desespera e mais tarde impressionado morre.
11.   Davi a toma por esposa. (vv.39-42).
a.       Interessante, que Davi, quando soube que Nabal havia morrido, rapidamente mandou mensageiros até o Carmelo, para pedi-la em casamento.
b.       Ela disse a seguinte frase: eu nasci para lavar os pés dos servos de meu senhor.
c.       Olha que humildade da parte de uma mulher rica, bonita e que certamente teria os homens aos seus pés.
Para terminar
1.       Que tipo de mulher ou mesmo homem nós temos sido? Qual tem sido o nosso comportamento diante das circunstancias que nos são desfavoráveis? Puxamos a faca? Queremos brigar? Queremos que todos saibam que hoje eu estou mau? Pense.
————————————————-
Estag. Ronildo da Cruz Ribeiro
IDPB Monte Horebe
Manaus, AM 13 de maio de 2012.


b b 25.2 Carmelo: Ver 1Sm 15.12, n.
c c 25.3 Nabal, por ser da linhagem de Calebe,pertencia a uma importante tribo do Sul, que mantinha relacionamentos amistosos com Judá (cf. Nm 13.30—14.30; Js 14.6-15; 15.13-19; Jz 1.10-15). Um pacto com os calebitas era muito vantajoso para Davi, já que isso lhe permitiria estender a sua liderança a outro dos grupos que povoavam as montanhas de Judá. De fato, ele será consagrado rei em Hebrom, a cidade mais importante na área ocupada pela tribo de Calebe (cf. Jz 1.20; 2Sm 2.1-4).
[1]Sociedade Bíblica do Brasil. (1999; 2005). Bíblia de Estudo Almeida Revista e Atualizada (1Sm 25:3). Sociedade Bíblica do Brasil.
Anúncios
 
Deixe um comentário

Publicado por em 13 de maio de 2012 em Abigail, Mulheres Inteligentes