RSS

Arquivo da categoria: Armas Espirituais

O homem de Belial

Provérbios 6:12-15

12 O homem de Belial, o homem vil, é o que anda com a perversidade na boca, 13 acena com os olhos, j  arranha com os pés e faz sinais com os dedos. 14 No seu coração há perversidade; todo o tempo maquina o mal; anda semeando contendas. l 15 Pelo que a sua destruição virá repentinamente; subitamente, será quebrantado, sem que haja cura. m[1]

 

O que é “Belial”?

Belial é um nome próprio, que quer dizer: βελιαλ Belial ou βελιαρ Beliar de origem hebraica 1100 בליעל; TDNT – 1:607,104; n pr m Belial = “inútil ou malvado” 1) um nome de Satanás

Belial – é um personagem da mitologia cananita que determinava este Belial como o adversário do povo “escolhido”. É o 68º espírito listado na Goetia. No Cristianismo Belial é mencionado também no novo testamento como o oposto da luz, do bem e de Jesus Cristo. Seria o mais importante demônio na Terra, que comandava as forças da escuridão contra os homens de bom coração. Criado junto com Lúcifer, de Belial foi dito – Um rei do inferno – e comandante de 80 legiões.

  1. Ele é vil – maligno (v12a)
    1. A malignidade é uma qualidade de Satanás
    2. Ele age e pensa de forma maligna, suas atitudes, muito embora pareçam nobres, tem sempre segundas intenções, tem sempre uma “carta na manga”.
    3. Ele sempre quer tirar proveito; “planta verde pra colher maduro”.
  1. Fala muita perversidade (v12b)
    1. A perversidade está nos seus lábios
    2. Ele brinca com coisas sagradas e sérias
    3. Debocha do que é santo, e do que é especial para os outros
    4. Ele não tem nenhum respeito, por nada e por ninguém.
    5. Ele sente prazer em debochar de seus superiores; pais, professores; chefes; líderes e do(a) esposo(a)
    6. Gosta de falar imoralidades;
  1. Acena com os olhos
    1. Os seus olhos, olham, observam o que não é pra ser visto
    2. Tem olhares cheios de lascívia e desejos perversos
    3. Seus olhos dizem o que tem na sua alma.
  1. Arranha com os pés
    1. Quer dizer que quando ele não consegue expressar seu ódio e desprezo, com suas palavras, ele(a) o faz sem que ninguém perceba
    2. Ele é dissimulado.
  1. Faz sinal com os dedos
    1. Sinais obscenos
    2. Chama com as mãos e os dedos
    3. Ofende aos outros com gestos
    4. Faz promessas que sabe que não vai manter e sela com as mãos.
  1. Porque ele faz isso?
    1. Há perversidade no seu coração
      1. O problema todo está em seu coração
      2. Ele entregou o seu coração para o mal
  • Ele acha que todos que estão ao seu redor querem o seu mal, ou querem lhe fazer o mal.
  1. Ele maquina o mal o tempo todo
    1. Essa pessoa tem sempre uma saída da pior forma possível
    2. Ele planeja que se tudo der errado ele fará pior
  2. Ele semeia contendas e discórdias, onde ele vai.
    1. Sempre tem confusão onde essa pessoa está
    2. Ele busca sempre seus interesses, por isso ele joga com as pessoas e com os sentimentos delas;
  • Ele faz isso por que o espírito de Belial, não é uma pessoa, mas sim uma casta de pelo menos 80 legiões e Belial – o revoltado é o seu príncipe.
  1. Ele será destruído, não haverá para ele uma forma de remissão
    1. Pessoas que eram chamadas de filho ou filha de Belial, eram pessoas rebeldes que causavam vergonha a seus pais
    2. Homens ou mulheres que eram chamados de Belial – eram pessoas que causavam desordem na sociedade, na sua comunidade, com seu comportamento maligno, cheios de malícia e principalmente porque tinham uma língua ferina, desdenhosa.
    3. O fim de pessoas que se deixa controlar por este espírito maligno e a rápida destruição.
  1. Os filhos da bondade / filhos do amor
    1. São os que abrem mão da rebelião, do ódio, da ira, da raiva, das brigas, das contendas, das confusões
    2. Eles se entregam a uma vida de paz e buscam constantemente sua realização na vontade de Deus.
    3. Eles buscam o que é verdadeiro, buscam o conhecimento do altíssimo, buscam fazer a vontade de Jesus.
    4. Como resultado, tem o oposto do rebelde; tem vitórias constantes; reconhecimento; sempre anda de cabeça erguida sem nada a temer; não será destruído, mas verá a sua descendência.
  1. Aplicação
    1. Que tal hoje você fazer uma avaliação sincera e perguntar pro Espírito Santo, como eu tenho andado
    2. Como tem sido o meu comportamento

_________________________________

Ronildo da Cruz Ribeiro

IDPB Monte Horebe

Manaus, AM 12 de abril de 2015

j j 6.13 Acena com os olhos: Ver Sl 35.19, nota h; cf. Pv 10.10; 16.30.

l l 6.14 Cf. Sl 140.2.

m m 6.15 Jó 5.3; Pv 14.32; 29.1. A destruição e o quebrantamento são manifestações do juízo e castigo divinos.

[1]Sociedade Bíblica do Brasil: Bíblia De Estudo Almeida Revista E Atualizada. Sociedade Bíblica do Brasil, 1999; 2005, S. Pv 6:15

TDNT TDNT corresponde à obra de Gerhard Kittel, Theological Dictionary of the New Testament. Ao lado da sigla TDNT, o primeiro número (ex.: 1:232) remete ao volume e ao verbete a ser consultado na coleção de 8 volumes da obra de Kittel; o segundo número remete ao verbete da obra condensada em um único volume por G. W. Bromiley.

Anúncios
 

Eu sou a recompensa de alguém

Eu sou a recompensa de alguém
“E disse a Davi: Mais justo és do que eu; pois tu me recompensaste com bem, e eu te recompensei com mal.”
I Samuel 24:17
1.   Alguém precisa de mim!
a.   Moisés era o líder que os hebreus precisavam para libertá-los do Egito. Ele era a recompensa deles.
11 Naqueles dias, sendo Moisés já homemc, saiu a seus irmãos e viu os seus labores penosos; e viu que certo egípcio espancava um hebreu, um do seu povo. 12 Olhou de um e de outro lado, e, vendo que não havia ali ninguém, matou o egípcio, e o escondeu na areia. (Êxodo 2:11-12)
Moisés viu que algo precisava ser feito. Ele não tinha sido criado como um escravo, sim como um príncipe. Ele precisava recompensar de alguma forma seus irmãos escravos. Precisava mostrar sua gratidão.
10 Vem, agora, e eu te enviarei a Faraó, para que tires o meu povo, os filhos de Israel, do Egito. 11 Então, disse Moisés a Deus: Quem sou eu para ir a Faraó e tirar do Egito os filhos de Israel? 12 Deus lhe respondeu: Eu serei contigo; e este será o sinal de que eu te enviei: depois de haveres tirado o povo do Egito, servireis a Deus neste monte. (Êxodo 3:10-12)
O que causou indignação em Moisés, era o que o motivaria para ser o libertador de seu povo.
Moisés era somente um escravo que teve a sorte de ser criado pela filha de Faraó.
b.  Davi foi uma recompensa para Saul.
21 Assim, Davi foi a Saul e esteve perante ele; este o amou muito e o fez seu escudeiro. 22 Saul mandou dizer a Jessé: Deixa estar Davi perante mim, pois me caiu em graça. f 23 E sucedia que, quando o espírito maligno, da parte de Deus, vinha sobre Saul, Davi tomava a harpa e a dedilhava; então, Saul sentia alívio e se achava melhor, e o espírito maligno se retirava dele. (I Samuel 16)
Saul havia perdido a presença do SENHOR, agora um espírito demoníaco o dominava e ele tinha crises terríveis de ira. E Davi tocava sua harpa, e o espírito demoníaco saia de Saul.
Davi um simples pastor de ovelhas – sendo o menor de oito irmãos fora ungido para ser rei de Israel. Na batalha contra o gigante Golias e os filisteus. Ele era a resposta a oração daquele exército.
c.   Rute foi a recompensa para Noemi – sua sogra
15 Disse Noemi: Eis que tua cunhada voltou ao seu povo e aos seus deuses; também tu, volta após a tua cunhada. 16 Disse, porém, Rute: Não me instes para que te deixe e me obrigue a não seguir-te; porque, aonde quer que fores, irei eu e, onde quer que pousares, ali pousarei eu; o teu povo é o meu povo, o teu Deus é o meu Deus. 17 Onde quer que morreres, morrerei eu e aí serei sepultada; faça-me o Senhoro que bem lhe aprouver, se outra coisa que não seja a morte me separar de ti.18 Vendo, pois, Noemi que de todo estava resolvida a acompanhá-la, deixou de insistir com ela. (Rute 1)
Rute era moabita, era alguém sem nenunhum valor para os Judeus. Os moabitas eram considerados pelos judeus um povo amaldiçoado, eles nunca poderiam entrar no templo, Nem em sua quarta geração.
d.   Ester livrou o seu povo, os hebreus, da destruição – ela foi a resposta a oração e jejum do povo.
15 Então, disse Ester que respondessem a Mordecai:16 Vai, ajunta a todos os judeus que se acharem em Susã, e jejuai por mim, e não comais, nem bebais por três dias, nem de noite nem de dia; eu e as minhas servas também jejuaremos. Depois, irei ter com o rei, ainda que é contra a lei; se perecer, pereci. (Ester 4)
Quem era Ester? Uma escrava judia. Uma cortesã no palácio do rei Assuero.
e.   José foi uma solução para Faraó e o povo egípcio. Sem José o Egito e muitas outras nações teriam sido extintas pela fome.
José foi uma recompensa a um faraó. E como ele agiu com os seus irmãos que o entregaram vendendo-o para ser escravo? Ele recompensou o mal com o bem. Ele entendeu que fora a providencia divina que o levara e o preparara para aquela ocasião. Por isso ele recebeu seus irmãos e não os matou.
Eclesiastes 4:9
Jesus foi a recompensa de DEUS para a humanidade, o homem andava em pecado fazendo tudo que desagradava a ELE. Todavia ele enviou a JESUS, se fez carne e veio até nós para nos pagar (recompensar) com o bem.
João 3:16 Porque Deus amou o mundo tanto, que deu o seu único Filho, para que todo aquele que nele crer não morra, mas tenha a vida eterna. 17 Pois Deus mandou o seu Filho para salvar o mundo e não para julgá-lo.18 Aquele que crê no Filho não é julgado; mas quem não crê já está julgado porque não crê no Filho único de Deus.
Como nós temos recompensado ao nosso DEUS. As pessoas que nos cercam. Você sabia que na maioria das vezes nós pagamos o bem que o SENHOR nos faz, com o mal, buscando o nosso próprio prazer.
Como temos agido? Sendo recompensa, ou sendo uma piscina de ingratidão.
Toda pessoa que DEUS criou é necessária e, é uma recompensa para alguém
————————————–
Pr. Ronildo da Cruz Ribeiro
Manaus, AM 26 de junho de 2011
IDPB – Monte Horebe
 

Parceiro de DEUS

Parceiro de DEUS
Amós 3:3Andarão dois juntos, se não houver entre eles acordo?
João 1:11-12 “Veio para o que era seu, e os seus não o receberam. Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, l  a saber, aos que creem no seu nome; m
O texto de Amós, trata da miséria que o povo estava vivendo fora da vontade e do propósito de DEUS. Eles faziam seus sacrifícios, davam seus dízimos e suas ofertas mas desobedeciam as leis e ordenanças. Porém queriam que todas as vezes que clamassem fossem ouvidos. Como eles poderiam ser ouvidos não havia acordo entre eles e seu DEUS?
Seus sacrifícios, ofertas e dízimos não eram uma prova de seu amor, mas sim de uma prática hipócrita onde tentavam mostrar um estilo de vida que não condizia com a realidade que eles viviam. Uma hora no templo, outra fazendo exatamente o contrário da vontade de DEUS. Suas ofertas e dízimos eram uma forma de justificar suas culpas e pecados substituindo o arrependimento por obras infrutíferas.
1.      Existe um acordo, um contrato entre DEUS e o homem.
a.    Neste contrato tem clausulas bem específicas, quanto o que cada um deve fazer. A parte de DEUS e da parte do homem.
b.    A parte de DEUS – como ELE é mais antigo, ele escreveu algumas leis bem específicas de proteção; e como consequência da obediência a este contrato, o resultado é bênçãos e prosperidade da pessoa bem como de seus filhos.
c.    A parte do homem – ele somente tem que compreender bem o contrato, e então fazer de acordo como está escrito. É um acordo eterno entre o homem e DEUS.
d.    A quebra deste contrato resulta em desgraça. A observação deste contrato em bênção.
2.      Como podem andar os dois juntos – o homem e DEUS?
a.     DEUS conhece o homem e o respeita.
b.    O homem precisa conhecer a DEUS e cumprir sua parte neste acordo. Dessa forma eles poderão andar juntos. Existem dois pontos básicos neste contrato: Amar a DEUS sobre as coisas e ao próximo como a si mesmo.
3.      O que DEUS está querendo fazer neste texto é uma parceria.
a.      Por que será que DEUS precisa de mim para esta parceria? Você pergunta!
b.    DEUS só pode fazer algo na terra através do homem. E talvez você e eu sejamos as pessoas que o SENHOR quer usar.
4.      Não poderemos andar juntos se não houver acordo.
a.    DEUS nunca poderá anda junto com o homem se o homem não andar de acordo com a Sua palavra.
b.    O homem tem que concordar com a palavra de DEUS.
c.    O homem tem que ter como parceiro o próprio DEUS.
5.      Em que DEUS quer ser o meu parceiro?
a.     Na sua família; no seu emprego; na sua empresa; em seus negócios; na sua escola; em suas escolhas; O Senhor quer ter a primazia em todos os grandes momentos de sua vida.
Aplicação
1.     Deus tem buscado parceiros para uma sociedade de prosperidade.
2.    Deus tem buscado homens que saibam trabalhar em parceria com Ele.
3.     Será que ele pode encontrar em você esse parceiro?
4.     Será que você é a pessoa certa para essa parceria? Eu acredito que sim! Mas você está disposto a cumprir sua parte neste acordo? Eu também acredito que sim!
5.     Então vá em frente e encare novos desafios na fé.
—————————
Ronildo da Cruz Ribeiro
IDPB Monte Horebe
Manaus 09 de outubro de 2012
terça-feira
————————
l l 1.12 João distingue claramente entre Jesus Cristo, o unigênito Filho de Deus (v. 18), e aqueles que chegam a ser filhos de Deus por crerem em Jesus Cristo.

m m 1.12 Crêem no seu nome: João ressalta fortemente o valor de crer em Jesus Cristo. Crer é a resposta do homem com a mente, o coração, com toda a vida, à ação salvadora de Deus por meio de Jesus Cristo. Quando uma pessoa “crê”, recebe a vida eterna (cf. Jo 3.14-16; 6.40; 11.25-26; 20.31).
 

Sonho – Faça de seu sonho um projeto de vida

Sonho – Faça de seu sonho um projeto de vida
Provérbios 16:1-2 “O coração do homem pode fazer planos, mas a resposta certa dos lábios vem do Senhor. a Todos os caminhos do homem são puros aos seus olhos, mas o Senhor pesa o espírito. b
Qual é o seu sonho? Que tal começar hoje a planejar o que vai fazer amanhã? Por isso, projete algo claro em seu coração. Escreva em uma folha de papel, e ore até receber clareza e ter convicção. Depois faça uma avaliação de sua meta à luz da Bíblia.
Escreva seu sonho, depois leia e releia todos os dias. O sonho vai ficando cada vez mais claro para você e pouco a pouco vai se transformando em uma realidade.
1. Escreva um projeto de forma clara e objetiva.
a.      Para o próximo ano;
b.      Para daqui a dois anos;
c.      Para daqui a três anos;
d.      Para cinco anos;
e.      Para daqui a dez anos.
Escreva, leia, releia, ore todos os dias por eles e a medida que você for recebendo clareza escreva, e você vai ver seus sonhos nascendo.
2.      Escreva suas metas diante da cruz de Cristo.
1 Pedro 2:24-25 “Carregando ele mesmo em seu corpo, sobre o madeiro, g  os nossos pecados, para que nós, mortos para os pecados, vivamos para a justiça; h  por suas chagas, fostes sarados. i Porque estáveis desgarrados j  como ovelhas; agora, porém, vos convertestes ao Pastor e Bispo da vossa alma. l
a.      A cruz levou o meu pecado;
b.      A cruz curou a minha mente. Toda desordem mental foi sarada;
c.      A cruz curou minhas feridas na alma;
d.      A cruz curou os meus traumas;
Quando você for escrever suas metas, todas as impossibilidades brotarão de sua mente tentando fazê-los desistir. Os pensamentos são os mais variados: “você é incapaz; isso é loucura; o que vão pensar de você; isso é ridículo; você não tem forças suficientes para isso; você é muito pobre para fazer isso; isso nunca vai dar certo; todos os indicadores mostram contrário, e por ai vai”. Porém quando você coloca seus planos na perspectiva da cruz, fica mais fácil de crer. Lembre-se, Ele levou sobre si todas as nossas incapacidades.
Quando você começa escrever suas metas, parece que algo tenta lhe atrapalhar colocando desordem mental, entendi que isso acontece para atrapalhar mesmo, pois a mente é quem faz os planos que serão atendidos por DEUS. A mente é o campo de batalha, se você a controlar, você controla qualquer coisa.
Visualize suas metas. Cria nelas, escreva contrariando todas as possibilidades. Creia e verás o poder de DEUS.
Aplicação:
1.      Faça de seu sonho o projeto de sua vida.
2.      Escreva ele, e leia todos os dias. Cole o que você escreveu em algum lugar próximo de você.
3.      Escreva suas metas diante da cruz de Cristo. Creia ele já levou sobre si a suas incapacidades.
—————————————————
Ronildo da Cruz Ribeiro
IDPB Monte Horebe
Manaus, 21 de Setembro de 2012
21º dia de jejum


a a 16.1 Cf. Pv 16.9; 19.21; Ec 9.1.

b b 16.2 Pv 21.2. Pesa: Isto é, julga.
g g 2.24 O madeiro ou a árvore: Referência à cruz;ver At 5.30, n.
h h 2.24 Rm 6.2-11.
i i 2.24 Is 53.4-5,11-12.
j j 2.25 Da alusão a Is 53.6 se passa à imagem do pastor;ver Jo 10.11, n.
l l 2.25 Cf. 1Pe 1.9, n.
 

Sonhos – Qual a visão de DEUS para você?

Sonhos – Qual a visão de DEUS para você?
20º dia de Jejum

 Provérbios 29:18 “Não havendo profecia, o povo se corrompe; mas o que guarda a lei, esse é feliz. o”

Neste podemos ver com bastante clareza que quando não há “Instrução” o povo se corrompe e perece. Mas quando existe visão, instrução, o povo é feliz.

Existem dois tipos de desejos, o primeiro tipo é o da carne; são os desejos que não provem de DEUS. Outro, porém, é uma visão, um sonho, uma revelação ele vem exclusivamente de DEUS. O sonho se diferencia pela esperança no amanhã e JAMAIS, NUNCA se relaciona com a injustiça e o pecado. Já o desejo carnal mantém relação com a ilegalidade e o pecado.

1.       Sempre espere coisas grandes e ocultas de DEUS.

Jeremias 33:3 “Invoca-me, e te responderei; anunciar-te-ei coisas grandes e ocultas, d  que não sabes”.

Isaias 48:6-7 Já o tens ouvido; olha para tudo isto; porventura, não o admites? Desde agora te faço ouvir coisas novas e ocultas, que não conhecias. Apareceram agora e não há muito, e antes deste dia delas não ouviste, para que não digas: Eis que já o sabia”.

Existem momentos em que nos sentimos a beira de um abismo e parece impossivel sair do problema. Neste momento espere de DEUS uma solução.

2.       Invoca-me.

a.       Invocar é: chamar em súplica ou em oração. É fazer uma prece. Tudo o que DEUS quer e que você o invoque. Chame a atenção de DEUS. Faça uma prece que saia do profundo de seu coração

b.       Quando invocamos ao SENHOR ele nos responde de forma não convencional. Reponde da forma DELE.

3.       Eu te responderei com coisas grandes e ocultas.

a.       É uma promessa que seremos não somente ouvidos, mais que seremos atendidos.

b.       Que tipo de resposta será? Serão anunciadas coisas grandes e ocultas.

c.       A resposta será de forma muito diferente, do tipo que não sabemos, ou que nunca experimentamos. Será algo inovador – uma visão.

d.       De que forma ELE nos responderá? Através de sonhos, revelações e ensinamentos de sua Palavra.

Será que o sonho visionário que você tem, não é uma resposta para suas dúvidas e crises existenciais? Será que quando você começar a colocá-los em prática outras pessoas não serão beneficiadas e abençoadas através deles? Pense! Pense! E invoque ao SENHOR buscando respostas.

4.       Que coisas grandes e ocultas DEUS têm para nós?

a.       Sonhos, visões, projetos e muito mais coisas do que ouvimos e pensamos.

b.       Você deve sonhar grande, pensar grande, desejar grande. Quando se deseja grande, é impossível que pelo menos dezenas de pessoas não estejam envolvidas de forma implícita em seus sonhos. Sabe por quê? Todos eles fazem parte de um grande projeto onde é você quem dá o ponta pé inicial.

c.       Quando sonhamos e o sonho envolve muitas pessoas, é um grande sinal de que o SENHOR está dando uma visão, então é mais do que oportuno pegar papel e caneta, e começa a planejar.

Aplicação:

1.       Invoque ao SENHOR

2.       Espere a resposta não da forma convencional, mas da forma sobrenatural.

3.       Espere coisas grandiosas e grandes novidades em DEUS.

4.       Espere sempre o melhor de DEUS, quando você o invoca.

5.       O que será que DEUS tem planejado pra você?

 

——————————————-
Ronildo da Cruz Ribeiro
IDPB Monte Horebe
Manaus, 20 de setembro de 2012
20º dia de Jejum


o o 29.18 Profecia: Outra tradução possível: direção divina. Lei: Hebr. torah, que também pode ser traduzida por ensino, instrução.
d d 33.3 Coisas grandes e ocultas: Esta expressão é interpretada de diversas maneiras. Poderia tratar-se de algo inacessível e impenetrável, como uma fortaleza ou uma cidade fortificada, ou também de algo escondido; ou, ainda, como em Is 48.6, de algo que até o momento se havia mantido em segredo.
 

Alguns amam Sacrificar

Alguns amam Sacrificar

(Um pequeno esboço que compartilhamos com nossa congregação num devocional – Ronildo)
 
Oséias 8:11-13
“11 Porquanto Efraim multiplicou altares para pecar, estes lhe foram para pecar. 12 Embora eu lhe escreva a minha lei em dez mil preceitos, estes seriam tidos como coisa estranha. 13 Amam o sacrifício; por isso, sacrificam, pois gostam de carne e a comem, mas o Senhor não os aceita; l  agora, se lembrará da sua iniqüidade e lhes castigará o pecado; eles voltarão para o Egito. m
1.      Eles multiplicaram os altares.
a.      São muitos os lugares de adoração ou de culto. Porém estes lugares foram criados debaixo de uma maldição, a intenção inicial deve ter sido até boa, mas, quem criou estava em pecado.
b.      Qual seria o sentimento quando construíram estes altares? Seria o orgulho? Queriam de parecer maior e melhor? Queriam reconhecimento?
c.       Com que tipo de material foi construído estes altares? Integridade, lealdade, unção, amor, verdade; ou foi com mentiras, discórdias, brigas e intrigas…
2.      Minha lei em dez mil preceitos.
a.      Não estavam ligando para o SENHOR
b.      Eles não conheciam o SENHOR.
c.       Eles não conheciam a lei do SENHOR
3.      Amam o sacrifício
a.      É mais fácil sacrificar o que obedecer
                                                               i.      Quem sacrifica geralmente parece estar contrito.
                                                             ii.      Quem sacrifica parece ter mais comunhão parece ser mais do que realmente é.
b.      É mais fácil viver de aparência
                                                               i.      Não são pessoas reais.
                                                             ii.      Não tem consistência
                                                            iii.      Não duram por muito tempo
c.       É mais fácil ofertar do que ser a oferta viva.
                                                               i.      O grande problema de ofertar, é que não é pra oferta que o SENHOR olha, ELE olha para o ofertante. Foi assim em todos os tempos.
                                                             ii.      A vida de quem oferta é mais importante do que a oferta.
d.      Gostam de carne – gostam do luxo, do conforto, são egoístas.
                                                               i.      São pessoas que só pensam em si e no seu bem estar
                                                             ii.      São pastores, bispos, apóstolos, que de fato não se importam com os outros, eles se acham os melhores.
e.      Porém o SENHOR não os aceita
                                                               i.      O problema é que o SENHOR conhece a todos. Ele vê os corações, pesa a intenções.
                                                             ii.      O mais importante não é ser aceito pelo povo, ou pelos líderes do povo, mas pelo SENHOR.
                                                            iii.      O SENHOR deve olhar para os pastores e vê neles homens servos, homens de honra, íntegros, fiéis, modelo de santidade.
f.        O SENHOR lembrará os seus pecados.
                                                               i.      Eles não foram perdoados porque não houve arrependimentos
                                                             ii.      Confessam e não deixam
                                                            iii.      Escondem-se debaixo de uma aparência piedosa
g.      Eles voltarão para o Egito
                                                               i.      Se desviarão da promessa do SENHOR.
                                                             ii.      Eles voltarão para a escravidão.
                                                            iii.      Nunca prevalecerão no juízo
                                                           iv.      Nunca ficarão na congregação dos justos
 
——————————————
Ronildo da Cruz Ribeiro
IDPB Monte Horebe
Manaus, 18 de setembro de 2012.


l l 8.11-13 Efraim multiplicou altares… mas o Senhornão os aceita: Ver Os 6.6, n.
m m 8.13Voltarão para o Egito: Cf. Os 9.3.
 

A MENTE – PENSO NAS COISAS QUE SÃO VERDADES NA MINHA VIDA

A MENTE – PENSO NAS COISAS QUE SÃO VERDADES NA MINHA VIDA
11º dia de Jejum
http://namibianotombua.multiply.com/journal/item/603/603
http://namibianotombua.multiply.com/journal/item/603/603 
Filipenses 4:8-9 “Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento. mO que também aprendestes, e recebestes, e ouvistes, e vistes em mim, isso praticai; e o Deus da paz será convosco”.
1.       Que tal dizer de você mesma!
a.       Sou uma pessoa prospera! Sou saudável! Tenho a paz, ela habita comigo! As coisas grandes foram criadas para mim! Eu sou feliz com a prosperidade que o meu Senhor tem para mim! Na minha mente só existe bons pensamentos! A alegria é o meu estado permanente! Sou uma pessoa doce! Sou amável! Sou gentil! Sou o(a) filho(a) de um grande REI –  DEUS É O MEU PAI!
João 1:12 “Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, l  a saber, aos que crêem no seu nome; m
——————
2.       Que tal dizer para os seus amigos!
a.       Eu fui perdoado e justificado. Sou uma pessoa santa e cheia do Espírito Santo. Fui curado. Fui liberto da maldição. Recebi a vida eterna em Cristo Jesus. Sou próspero assim como é próspera a minha alma. Tenho a saúde plena e em todas as coisas sou mais que vencedor.
1 Pedro 2:9 “Vós, porém, sois raça eleita, l  sacerdócio real, nação santa, m  povo de propriedade exclusiva de Deus, n  a fim de proclamardes as virtudes o  daquele que vos chamou das trevas para a sua maravilhosa luz; p
——————–
3.       Encha seus pensamentos de saúde, vitória, êxito e riquezas, por que você já os tem!
Romanos 8:37 “Em todas estas coisas, porém, somos mais que vencedores, por meio daquele que nos amou”.
——————–
4.       Fundamente a sua fé todos os dias, pensando como DEUS pensa.
a.       Ele me ama!
João 3:16-17 “Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê j  não pereça, l  mas tenha a vida eterna. m Porquanto Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele”.
b.       DEUS é um PAI que teve tanto amor por mim que decidiu me dar a sua vida!
Romanos 5:8-9 “Mas Deus prova o seu próprio amor para conosco pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores. i Logo, muito mais agora, sendo justificados pelo seu sangue, j  seremos por ele salvos da ira”.
——————–
5.       Ame a JESUS e deseje o ESPÍRITO SANTO todos os dias.
João 16:12-13 “Tenho ainda muito que vos dizer, mas vós não o podeis suportar agora;quando vier, porém, o Espírito da verdade, ele vos guiará a toda a verdade; porque não falará por si mesmo, mas dirá tudo o que tiver ouvido e vos anunciará as coisas que hão de vir”.
———————————–
Ronildo da Cruz Ribeiro
IDPB Monte Horebe
Manaus, 12 de Setembro de 2012
11º dia de Jejum


m m 4.8 Seja isso o que ocupe o vosso pensamento: Isto é, Colocai toda a vossa atenção nisso ou tomai isto bem em conta.
l l 1.12 João distingue claramente entre Jesus Cristo, o unigênito Filho de Deus (v. 18), e aqueles que chegam a ser filhos de Deus por crerem em Jesus Cristo.
m m 1.12 Crêem no seu nome: João ressalta fortemente o valor de crer em Jesus Cristo. Crer é a resposta do homem com a mente, o coração, com toda a vida, à ação salvadora de Deus por meio de Jesus Cristo. Quando uma pessoa “crê”, recebe a vida eterna (cf. Jo 3.14-16; 6.40; 11.25-26; 20.31).
l l 2.9 Raça eleita: Cf. Is 43.20.
m m 2.9 Êx 19.5-6; Ap 1.6; 5.10.
n n 2.9 Dt 4.20; 7.6; 14.2; cf. Tt 2.14.
o o 2.9 Is 43.21; At 2.11.
p p 2.9 Ef 5.8.
j j 3.16 Crê: Ver Jo 1.12, nota m.
l l 3.16 Não pereça: Ou não pereça para sempre.
m m 3.16 1Jo 4.9-10; cf. Gn 22.2,12; Hb 11.17.
i i 5.8 Jo 3.16; 1Jo 4.10; ver Rm 5.6, n.
j j 5.9 Pelo seu sangue: Maneira de se referir à morte redentora de Cristo.
l l 5.9 Da ira: Ao usar o verbo no futuro (seremos salvos), faz-se referência ao dia do juízo e castigo final.